quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Sugestão de Páscoa

mensagem de Páscoa

Paulo Monteiro e Eneida Celeti
Extraído da revista O Evangelista de Crianças, edição jan/mar de 1996 

Prepara um visual, ampliando as ilustrações ao lado, para usar na apresentação da mensagem.
Em tamanho natural, cada um de seus alunos poderá preparar um visual semelhante ao seu, como trabalho manual. Providencie cópias dos desenhos, lápis de cor, tesoura, cola e colchetes para que suas crianças realizem esta atividade.

INSTRUÇÕES:

1) Passe cola na parte de trás da extremidade inferior da figura 1 (rosto de Jesus), indicada com um pontilhado.

2) Cole-a na parte de trás da extremidade superior da figura 2 (Calvário e túmulo vazio), de modo que, dobrando-se a figura 1 na linha pontilhada, o rosto de Jesus apareça acima da figura 2.

3) Faça um pequeno furo nos lugares indicados das figuras 2, 3 e 4 e prenda com um colchete (observe o diagrama).

4) Dobre a figura 1 para trás, e feche as figuras 3 e 4, de modo que ocultem a figura 2.

MENSAGEM:

(Mostre a figura fechada.) Parece um ovo, não é? Nesta época muita gente pensa em ovo, mas ovos não tem nada a ver com a Páscoa. Vou contar-lhes a verdadeira razão da Páscoa.

(Abra as figuras 3 e 4, deixando que apareça a figura 2) Fale sobre a morte de Cristo, Seu sepultamento e ressurreição, conforme 1 Coríntios 15:3,4. Inclua um maior número de detalhes, conforme o tempo disponível e a idade dos alunos. Apresente todo o plano de salvação; Cristo, o Perfeito Filho de Deus, morreu numa cruz em nosso lugar e derramou Seu sangue para nos purificar; Ele foi sepultado, mas ressuscitou e voltou para o céu; ele nos oferece a salvação de graça pela fé nEle. Cite versículos, tais como Jo 3:16; Rm 3:23; Ef 2:8-9.


(desdobre a figura 1) Fale sobre a volta de Cristo, nas nuvens, para buscar os seus. Desafie as crianças a estarem preparadas para encontrar com Jesus, recebendo-o como Salvador.






quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

O Bingo Bíblico 3

O Bingo Bíblico 3 foi desenvolvido especialmente para o Retiro Espiritual da Igreja Batista Pinheiorópolis – Caruaru – PE (14 a 17/fev/2015), com o proposito de ter um momento prazeroso de comunhão e avaliando como anda o conhecimento da Palavra de Deus, de cada irmão participante do retiro.

Esse método lúdico tem o proposito de motivar o crescimento espiritual de crianças, adolescentes, jovens e adultos.


No Amor de Cristo,

Marcelo Lieuthier























quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Palavras Cruzadas & Caça Palavras

PALAVRAS CRUZADAS & CAÇA PALAVRAS


Esses Caças Palavras e Palavras Cruzadas foram desenvolvidos especialmente para o Retiro Espiritual da Igreja Batista Pinheiorópolis – Caruaru – PE (14 a 17/fev/2015), com o proposito de ter um momento agradável de comunhão da Palavra de Deus.

Você também pode usar-los em seu retiro espiritual ou em outro momento!

























sábado, 7 de fevereiro de 2015

Daniel na Cova dos Leões - Daniel 6.1-28

Daniel na Cova dos Leões
Daniel 6.1-28


Objetivo: Que a criança salva decida permanecer firme e fiel a Deus mesmo que tenha de ficar sozinha.

Verdade central: Deus vai ajudar a ser firme e fiel a Ele.

Versículo: “O Senhor é a minha luz e a minha salvação; de quem terei medo?” Salmo 27:1a


Texto: Bíblia de Recursos para o Ministério com Crianças – APEC

INTRODUÇÃO
Você já foi tentado a deixar de fazer o que é certo (ler a Bíblia, ser honesto, obedecer a seus pais) porque outros que não conhecem Jesus como Salvador o pressionaram? Deus quer que você seja fiel, isto é, faça o que certo todo tempo – mesmo quando o fato de agir corretamente possa colocar você em dificuldades. Daniel decidiu ser fiel a Deus, sem medir as consequências.

ANDAMENTO
A. O rei Dario deu a Daniel uma posição elevada pelo seu excelente trabalho (vv.1-3).
Daniel vivia em outro país pagão, ele conhecia e servia o Deus verdadeiro. A cada manhã ele conversava com Deus. (Veja v. 1; Salmo 55.17 “À tarde, pela manhã e ao meio-dia, farei as minhas queixas e lamentarei; e ele ouvirá a minha voz”). É possível que dissesse: “O Senhor é a minha luz e a minha salvação; de quem terei medo?” Salmo 27.1

B. Os outros líderes observavam Daniel, esperando apanhá-lo azendo alguma coisa errada; em vez disso, eles o acharam fiel no trabalho e na adoração a Deus (v. 4).
Outros podem sentir-se ameaçados e ressentidos quando você faz o que a Bíblia diz continue bondoso com eles, mas não deixe de fazer o que é certo. Deus vai ajuda-lo.

C. Frustrados, eles combinaram usar a fidelidade de Daniel contra ele (vv.5-7).
Aqueles homens tinham muita inveja de Daniel. Inveja é pecado; ela coloca o crime no seu coração. Você talvez nunca sentiu inveja, mas a Bíblia diz que você e eu pecamos (Romanos 3.23). Pecado é tudo o que você pensa diz ou faz que não agrada a Deus (mentir para os pais, colar numa prova, sair de um jogo por estar zangado, falar palavrões). Deus o ama, embora você seja um pecador. Por esta razão, ele enviou Seu Filho Jesus para morrer na cruz em pagamento dos seus pecados e ressuscitar. Se você pedir a Ele que o salve, Ele lhe dará a Vida Eterna e livrará você de pecados como a inveja que aqueles líderes estavam sentindo.

D. Os líderes intrigantes usaram a lisonja (bajulação) para fazer o rei assinar um decreto estabelecendo que toda oração devia ser dirigida a ele (vv. 8,9).
Naquela época o rei geralmente se considerava um deus. Ele apreciava pensar em outros se curvando apenas à sua pessoa. O orgulho impediu que Dario visse a verdade razão do decreto. Ele o levou a aceitar a adoração que pertencia a Deus e colocou seu amigo Daniel numa situação difícil. O castigo da desobediência era a morte, sendo o réu atirado à cova dos leões.

E. Daniel decidiu continuar sua adoração diária apesar do decreto (v. 10).
Naquela época Daniel tinha mais de 80 anos e era o administrador-chefe do império persa.
Sabendo que Deus o capacitou para ser fiel, Daniel decidiu continuar orando como sempre tinha feito – embora isto pudesse significar a morte. Se você aceitou o Senhor Jesus como seu Salvador, Deus vai ajuda-lo a ser firme e fiel a Ele, mesmo que ninguém mais seja, como ajudou Daniel. Ser firme significa decidir, em seu coração e sua mente, que vai agradar a Deus, fielmente, cumprindo isso. Na hora do almoço, Deus pode ajudar você a orar antes de comer, embora outros não façam isto. Na sala de aula, Deus pode ajudá-lo a explicar a sua fé na Bíblia, embora outros possam discordar. Em casa, Deus pode ajudá-lo a explicar a sua fé na Bíblia, embora outros possam discordar. Em casa, Deus pode ajudá-lo a levantar-se na manhã de domingo para ir ao culto, embora ninguém mais em sua família vá com você. Algumas vezes, quando você é fiel a Deus, outros talvez não compreenderam ou até achem ruim, mas a Palavra de Deus diz… (leia 1 Coríntios 15.58a). Não permita que a pressão exercida por outros o impeça de fazer o que é certo. Deus vai ajudá-lo a ser fiel, como Daniel foi.

F. Os inimigos de Daniel o acusaram diante de Dario (vv. 11-13).



G. O rei, entristecido, se esforçou sem sucesso para desculpar Daniel (vv. 14,15).
Nem mesmo o rei Dario tinha autoridade para mudar uma lei dos medos e persas.

H. Com relutância, Dario ordenou que Daniel fosse atirado ao leões, encorajando a Daniel a confiar no seu Deus (vv. 16,17).
O rei podia ver que o Deus de Daniel era real, porque tinha observado o poder divino na vida dele. No entanto, por não conhecer a Deus pessoalmente, Dario não conseguia confiar nele.

I. Enquanto Daniel enfrenta os leões, Dario não conseguia dormir, com o coração pesado (vv. 18,19).
Dario não podia ajudar Daniel, mas Deus podia. Deus já o havia ajudado a ser fiel; agora o auxiliaria a enfrentar a enfrentar as maldades que outros, por raiva, estavam fazendo com ele. Se você aceitou o Senhor Jesus como seu Salvador, Deus vai ajudá-lo a ser firme e fiel a Ele, sem levar em conta a reação de outros. Quando orar na hora do almoço, alguns podem rir de você, mas outros podem notar isto e começar a pensar sobre a bondade de Deus para com eles. Quando você testemunha na classe sobre a sua fé em Deus, alguns podem discutir com você, mas alguém pode ouvir o que você diz e mudar a maneira de pensar que é um tolo, mas um dia um deles pode resolver ir com você e começar a aprender sobre Deus. Mesmo que ninguém tenha uma atitude bondosa para com você, Deus vai ajudá-lo a ser firme e fiel a Ele. Deus até promete recompensar a sua fidelidade no Céu (Apocalipse 2.10). Daniel permaneceu fiel a Deus mesmo naquela situação desesperada.

CLIMAX
Deus honrou a fidelidade de Daniel, protegendo-o dos leões (vv. 20-22).




FINAL
Conclusão
1. Daniel foi tirado da cova dos leões completamente ileso (v.
23).
2. Os acusadores colheram o que haviam semeado: foram lançados na cova e devorados pelos leões (v. 24).
3. O rei ordenou a todos que adorassem a Deus (vv. 25-27).
4. A fidelidade de Daniel foi recompensada; ele continuou como líder, fazendo sempre o que melhor que podia (v. 28).

B. Apelo (não salvos)
Deus recompensa fielmente, fazendo coisas maravilhosas para Seus filhos. Você já é filho de Deus? (João 1.12)

C. Desafio (salvos)
Mesmo sendo filho de Deus, você pode achar difícil ser fiel. (lembre as crianças das situações que mencionaram antes). Lembre-se de 1 Coríntios 15.58 e agradeça a Deus pela sua ajuda. Você vai decidir esta semana permanecer firme e fiel a Deus, mesmo que tenha de ficar sozinho? Deus talvez tenha lembrado você de uma situação em sua vida onde achou difícil ser fiel a Ele. Enquanto oramos juntos, converse com Deus sobre essa situação, pedindo a Ele que o ajude de maneira especial esta semana.

(Dê a cada criança um cartão e peça que escrevam nele uma situação difícil pedindo a Deus força para permanecer fiel a Ele).